Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Reino Unido pretende criar presença militar 'persistente' na região do Indo-Pacífico

© Foto / Marinha do Reino UnidoO drone Ghost pode fornecer diferentes vantagens às tropas terrestres
O drone Ghost pode fornecer diferentes vantagens às tropas terrestres - Sputnik Brasil, 1920, 19.10.2021
Nos siga no
O Reino Unido planeja manter uma presença contínua e "persistente", mas não permanente, na região do Indo-Pacífico, disse nesta terça-feira (19) o general Nicholas Carter, chefe do Estado-Maior da Defesa britânico.
"O Reino Unido tem planos para estabelecer uma presença militar 'persistente' na região do Indo-Pacífico", disse Carter, explicando que a visita de navios de guerra seria um acontecimento intermitente. 
"Realisticamente, é episódico. Não vai ocorrer todos os anos", explicou o general em um podcast apresentado pelo think tank Centro para uma Nova Segurança Norte-Americana. 
Carter observou que Londres tem ligações de longa data com muitos países da região, remontando ao tempo do Império Britânico. Por exemplo, o país europeu continua operando uma escola de guerra avançada em Brunei.
"Sempre recrutamos muitos homens e mulheres para o serviço desses países [...] Vamos continuar com essas longas associações", afirmou Carter.
Contudo, o planejado aumento da presença britânica no Indo-Pacífico não significa qualquer redução na contribuição e na participação de Londres na OTAN, acrescentou o general Nicholas Carter.
No mês passado, a Austrália, o Reino Unido e os EUA anunciaram a criação de um pacto de segurança apelidado de AUKUS, com o objetivo de "garantir a paz e a estabilidade" na região em causa.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала