Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

China tem capacidade para produzir mais de 500 caças J-20, segundo revista norte-americana

© AFP 2021 / Noel CelisCaças J-20 chineses voam em formação em Pequim, China, 19 de junho de 2021
Caças J-20 chineses voam em formação em Pequim, China, 19 de junho de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 14.10.2021
Nos siga no
A revista Military Watch avaliou a informação existente sobre o setor aéreo da China, concluindo ser muito provável que a China venha a ter 150 caças de quinta geração.
É possível que a China tenha ou produza mais de 150 caças de quinta geração J-20, afirma a revista Military Watch em artigo publicado na terça-feira (12).
Como evidências disso, o artigo citou o Show Aéreo Zhuhai na China, que foi realizado entre 28 de setembro e 3 de outubro, durante o qual voaram em formação 15 dessas aeronaves, havendo ainda outras 15 estacionadas na pista. A capacidade de movimentar simultaneamente tantos caças J-20 para um show aéreo seria igual a quase um quinto de sua frota inteira se ela fosse composta por 100 aviões, o que é "um indicador de que há números significativos em serviço".
A Military Watch também mencionou o jornal Global Times, que citou Wang Hitao, designer adjunto do J-20, como dizendo que "precisamos fazê-lo mais rapidamente em todos os aspectos, incluindo projeto, produção, testes e fabricação". A aeronave chinesa aproxima-se ainda dos cinco anos após a entrada em serviço.
A revista norte-americana comparou igualmente o J-20 ao F-22 dos EUA, o único outro caça pesado de quinta geração a entrar em produção em larga escala, que produziu 187 exemplares apenas nos seis anos de produção.
É "também significante" a possibilidade da China estar adiando a expansão dos J-20" ou uma variante futura usando o revolucionário motor WS-15", até ter aviões com maior capacidade, que pode ser o J-20B. Também importante é a ênfase de longa data de Pequim em caças bimotores pesados, indicou a Military Watch.
Por fim, a publicação apontou o fato de a China ultrapassar em 2020 os EUA em aquisições militares para uma ampla gama de objetivos, e as "vantagens significativas de eficiência" do setor de defesa chinês, que o poderiam levar a exceder "confortavelmente" 500 caças J-20.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала