Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Talibã diz assumir controle de 2 distritos estrategicamente importantes de Panjshir

© Foto / Assessoria de Imprensa da Resistência NacionalForças de resistência em Panjshir, Afeganistão
Forças de resistência em Panjshir, Afeganistão - Sputnik Brasil, 1920, 04.09.2021
Nos siga no
Aa forças de resistência na província afegã de Panjshir declararam ao movimento Talibã as suas intenções de se render, mas, quando os talibãs tentaram entrar na província, caíram em uma emboscada, informa fonte da Sputnik.
De acordo com a fonte, tudo aconteceu durante a noite e as forças de resistência recusaram-se a se render.
O distrito estrategicamente importante de Khenj, bem como o de Anaba, localizados na província de Panjshir, estão sob o controle do Talibã (organização terrorista proibida na Rússia e em outros países), informou neste sábado (4) o porta-voz do movimento, Bilal Karimi, em sua conta no Twitter.
"As últimas notícias dizem que Khenj, a área mais estratégica de Panjshir, e a área de Anaba, perto da capital provincial, também foram completamente tomadas, faltando apenas [tomar] o edifício principal do distrito de Abshar", escreveu Karimi.
© Foto / Assessoria de Imprensa da Resistência NacionalForças de resistência em Panjshir, Afeganistão
Forças de resistência em Panjshir, Afeganistão - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Forças de resistência em Panjshir, Afeganistão
Desta maneira, os talibãs agora controlam quatro distritos da província, afirmou o porta-voz, acrescentando que os combatentes estão se dirigindo para o centro provincial.
Nesta sexta-feira (3) Karimi disse que o Talibã tinha passado a controlar Paryan, o maior distrito da província de Panjshir.
No entanto, Fahim Danesh, representante das forças de resistência, negou a tomada de Paryan pelo Talibã.
Na quinta-feira (2), a mídia informou, citando uma fonte talibã, que o movimento tinha decidido iniciar uma operação militar contra as forças da Frente de Resistência na província de Panjshir após as negociações com o líder da resistência, Ahmad Massoud, terem fracassado.
No início de agosto, o Talibã intensificou os seus ataques contra as forças do governo afegão. O grupo entrou em Cabul, a capital do país, em 15 de agosto, assumindo o controle do palácio presidencial no dia seguinte, declarando que a guerra no Afeganistão havia terminado e que logo seria estabelecida o nova forma de governo do país.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала