Níger: Boko Haram mata 16 soldados governamentais, mas perde 50 militantes e muito armamento

© AFP 2022 / BOUREIMA HAMA/ FileSoldados do Níger
Soldados do Níger - Sputnik Brasil, 1920, 25.08.2021
Nos siga noTelegram
Centenas de militantes do Boko Haram (grupo terrorista proibido na Rússia e em outros países) atacaram um posto militar no sul do Níger, na noite de terça-feira (24), matando 16 soldados e ferindo outros nove.

Nesta quarta-feira (25), o Ministério da Defesa nigerino confirmou que as forças governamentais sofreram baixas substanciais após a emboscada pelo grupo terrorista, mas acrescentaram que dezenas de militantes também foram mortos durante o combate.

No total, segundo o ministério, as forças nigerinas mataram, pelo menos, 50 militantes do Boko Haram, e apreenderam quantidades significativas de armas ao grupo radical.

O incidente ocorreu na região de Diffa, que faz fronteira com a Nigéria, cujo governo também travou uma guerra prolongada contra o grupo em causa.

O Boko Haram começou na Nigéria em 2009, e frequentemente se movimenta para outros países em redor.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала