Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

China pretende criar aglomerado de aeronaves AWACS para conduzir diferentes missões

© AP Photo / Andy WongAeronave AWACS da China, KJ-2000, voa acompanhada de caças J-10
Aeronave AWACS da China, KJ-2000, voa acompanhada de caças J-10 - Sputnik Brasil, 1920, 12.07.2021
Nos siga no
O futuro Sistema Aéreo de Alerta e Controle (AWACS, na sigla em inglês) não vai ser uma única aeronave de alerta, mas um aglomerado de plataformas que podem conduzir diferentes missões e construir uma rede de informação.

De acordo com o chefe de projeto do avião KJ-2000 da China, Lu Jun, a tendência de desenvolvimento do AWACS mais avançado do mundo tem dois aspectos, sendo eles a capacidade de uma aeronave individual e o sistema.

Para as aeronaves individuais, o sistema será capaz de lidar com alvos pequenos, aeronaves furtivas e drones. Contudo, o especialista chinês ressalta que é preciso haver plataformas espaciais, aéreas, terrestres, marítimas e submarinas integradas ao sistema.

O vice-projetista executivo do sistema KJ-500 da China, Cui Jixian, afirmou ao jornal Global Times que o futuro AWACS será um sistema de rede de informações, incluindo não apenas uma única aeronave, mas um aglomerado de plataformas operando em conjunto ou individualmente.

Ao comentar as capacidades do AWACS chinês, Lu Jun afirma que o KJ-2000, o primeiro AWACS operacional da China, está uma geração à frente do E-3C e do E-2C dos EUA, graças à tecnologia de radar de varredura faseada.

Além disso, ele enfatiza que o gigante asiático está duas gerações à frente dos EUA, já que o KJ-500 é uma geração além do KJ-2000.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала