Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Virgin Orbit lança seu 1º foguete com satélites comerciais a partir de avião Boeing (VÍDEO)

© REUTERS / Gene Blevins O avião "Roc" da Stratolaunch, o maior do mundo, passa sobre o Boeing 747 da Virgin Orbit depois de realizar um segundo voo de teste em Mojave, Califórnia, EUA, em 29 de abril de 2021
O avião Roc da Stratolaunch, o maior do mundo, passa sobre o Boeing 747 da Virgin Orbit depois de realizar um segundo voo de teste em Mojave, Califórnia, EUA, em 29 de abril de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 01.07.2021
Nos siga no
A empresa Virgin Orbit lançou ao espaço um foguete com satélites a partir de uma aeronave-mãe, um avião modificado Boeing 747, marcando a estreia deste serviço comercial da companhia de Richard Branson.

Um avião modificado Boeing 747, chamado Cosmic Girl, partiu nesta quarta-feira (30) do aeródromo de Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos. Menos de uma hora depois, o foguete LauncherOne de duas etapas, com sete satélites, saiu da asa esquerda do avião e ligou seu motor de decolagem.

Aproximadamente 40 minutos depois do lançamento do foguete, os satélites foram colocados em órbita. A missão Tubular Bells durou cerca de duas horas no total e foi transmitida pela primeira vez na página da empresa, de acordo com a companhia.

O foguete transportou quatro pequenos satélites do Departamento de Defesa dos EUA, o primeiro satélite militar dos Países Baixos e os dois primeiros de 14 satélites de monitoramento da Terra da empresa polonesa SatRevolution.

Foi o terceiro lançamento do LauncherOne, após uma demonstração bem-sucedida em janeiro passado e a perda de um foguete portador em maio de 2020. A Virgin Orbit planeja pelo menos mais uma missão neste ano, mas no ano que vem haverá muitos voos, prometeu o CEO da empresa, Dan Hart.

Enquanto as missões mais comuns ao espaço envolvem o lançamento vertical de foguetes a partir do solo, o método da Virgin Orbit de lançar foguetes a partir de um avião modificado, permite "melhorar a capacidade de carga útil do foguete" o que torna o sistema LauncherOne "mais flexível e rápido".

Esta tecnologia é atrativa para as empresas que constroem satélites pequenos e baratos, sendo um setor cada vez mais popular à medida que os custos de lançamento diminuem.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала