Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

FMI deve enviar US$ 1,6 bilhão ao Egito como alívio à crise econômica da COVID-19

© REUTERS / Pool / Ludovic MarinEm Paris, na França, diretora administrativa do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, fala durante conferência sobre financiamento de economias africanas, em 18 de maio de 2021
Em Paris, na França, diretora administrativa do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, fala durante conferência sobre financiamento de economias africanas, em 18 de maio de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 26.05.2021
Nos siga no
O Fundo Monetário Internacional (FMI) está trabalhando com o Egito na possibilidade de fornecer ao país norte-africano US$ 1,6 bilhão (cerca de R$ 8,5 bilhões), disse a instituição em um comunicado.

Conforme o comunicado do FMI, o novo empréstimo tem o objetivo de aliviar a crise econômica causada pela pandemia da COVID-19 no país africano.

"Este acordo está sujeito à aprovação do Conselho Executivo do FMI, que ocorrerá nas próximas semanas", disse o comunicado na terça-feira (25). "Após a aprovação, um valor adicional de 1,16 bilhão em SDRs (cerca de US$ 1,6 bilhão [cerca de R$ 8,5 bilhões]) será disponibilizado para o Egito", acrescentou o FMI.

Os SDR, ou direitos de saque especiais, são um ativo de reserva internacional criado pelo FMI em 1969 para complementar as reservas oficiais de seus países membros.

© REUTERS / Johannes P. ChristoLogotipo do Fundo Monetário Internacional (FMI), em foto de 12 de outubro de 2018
FMI deve enviar US$ 1,6 bilhão ao Egito como alívio à crise econômica da COVID-19 - Sputnik Brasil, 1920, 26.05.2021
Logotipo do Fundo Monetário Internacional (FMI), em foto de 12 de outubro de 2018

O FMI disse que o forte desempenho e o comprometimento das autoridades egípcias nos últimos 12 meses ajudaram o país a atingir os objetivos do fundo sobre estabilidade macroeconômica e proteção de gastos sociais e de saúde, além das reformas estruturais.

Apesar da possível ajuda ao Egito, o FMI também tem um outro acordo de US$ 5,2 bilhões (cerca de R$ 27,7 bilhões) liberados para o país.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала