Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

México espera concluir vacinação contra COVID-19 em todo o país em outubro

© REUTERS / HENRY ROMEROO presidente do México, Andres Manuel López Obrador, recebe a dose da vacina da AstraZeneca contra a COVID-19 no Palácio Nacional da Cidade do México, México, em 20 de abril de 2021
O presidente do México, Andres Manuel López Obrador, recebe a dose da vacina da AstraZeneca contra a COVID-19 no Palácio Nacional da Cidade do México, México, em 20 de abril de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 18.05.2021
Nos siga no
O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, previu que a vacinação contra a COVID-19 em todo o país será concluída em outubro, para o qual o Governo espera obter mais apoio dos Estados Unidos.

O país vizinho se ofereceu para compartilhar o imunizante com outras nações que o exigem, segundo disse o chefe de Governo mexicano nesta terça-feira (18).

O México, que tem 126 milhões de habitantes, aplicou pouco mais de 23 milhões de doses até agora e pretende acelerar o processo com a chegada de 34 milhões de vacinas no próximo mês e meio, quase o dobro das recebidas desde que começou a imunizar sua população em dezembro do ano passado.

© REUTERS / Jon NazcaFrascos vazios da vacina da Johnson & Johnson contra a COVID-19 são vistos em uma mesa em um centro de vacinação em Ronda, Espanha, 23 de abril de 2021
México espera concluir vacinação contra COVID-19 em todo o país em outubro - Sputnik Brasil, 1920, 18.05.2021
Frascos vazios da vacina da Johnson & Johnson contra a COVID-19 são vistos em uma mesa em um centro de vacinação em Ronda, Espanha, 23 de abril de 2021
“No plano geral, de acordo com o que foi informado aqui sobre a disponibilidade, queremos terminar a vacinação até o mês de outubro, muito antes do início do inverno[ no Hemisfério Norte]”, informou López Obrador durante sua habitual entrevista coletiva diária.

Para isso, o presidente disse ter certeza de que terá apoio adicional dos EUA, que já entregou 2,7 milhões de doses da vacina da AstraZeneca, e confia em ter pelo menos mais cinco milhões de doses do produto em breve, como relatado em abril.

O presidente Joe Biden anunciou na segunda-feira (17) que pretende enviar 20 milhões de doses de vacinas contra a COVID-19 das empresas farmacêuticas britânicas e americanas Moderna, Pfizer e Johnson & Johnson, para as nações que precisam delas.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала