FOTO do Hubble flagra estrela prateada em véu de gás e poeira

© Foto / NASA / ESA / J. Maiz ApellanizEste Enxame Estelar Aberto, Caldwell 82 (ou NGC 6193), abrange 30 estrelas, incluindo duas estrelas de tipo O, as mais maciças e brilhantes estrelas conhecidas. Estrelas de tipo O são muito raras e muito quentes, superando temperatura de 30 mil graus Kelvin (o Sol, por exemplo, tem temperatura de 5.800 graus Kelvin)
Este Enxame Estelar Aberto, Caldwell 82 (ou NGC 6193), abrange 30 estrelas, incluindo duas estrelas de tipo O, as mais maciças e brilhantes estrelas conhecidas. Estrelas de tipo O são muito raras e muito quentes, superando temperatura de 30 mil graus Kelvin (o Sol, por exemplo, tem temperatura de 5.800 graus Kelvin) - Sputnik Brasil, 1920, 10.05.2021
Nos siga noTelegram
A NGC 2313 é uma nebulosa de emissão localizada a aproximadamente 3.756 anos-luz, na constelação de Monoceros.

A nebulosa, também conhecida como LDN 1653 e Parsamyan 17 no catálogo astronômico, foi descoberta em 4 de janeiro de 1862 pelo astrônomo alemão Heinrich Louis d'Arrest.

© Foto / ESA/Hubble, R. SahaiNebulosa de emissão NGC 2313
FOTO do Hubble flagra estrela prateada em véu de gás e poeira - Sputnik Brasil, 1920, 10.05.2021
Nebulosa de emissão NGC 2313

Ela é energizada por uma jovem estrela massiva e de brilho intermediário, chamada V565, que é cercada por quatro pontas de difração proeminentes, com uma iluminação prateada, um véu em forma de ventilador de gás e poeira.

A metade direita da imagem divulgada pela Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês) é escurecida por uma densa nuvem de poeira.

A nova imagem da NGC 2313 foi registrada graças às observações do telescópio espacial Hubble.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала