Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Acordo nuclear com o Irã pode ser reativado antes das eleições de 18 de junho no país

© AP Photo / Vahid SalemiReator de pesquisa nuclear na sede da Organização de Energia Atômica iraniana em Teerã, Irã, 1º de setembro de 2014
Reator de pesquisa nuclear na sede da Organização de Energia Atômica iraniana em Teerã, Irã, 1º de setembro de 2014 - Sputnik Brasil, 1920, 06.05.2021
Nos siga no
EUA e Irã podem chegar a um acordo e voltar ao cumprimento do Plano de Ação Conjunto Global (JCPOA, na sigla em inglês) antes das eleições iranianas de 18 de junho.

A informação foi dada por um alto funcionário do Departamento de Estado dos EUA nesta quinta-feira (6), completando que a negociação aconteceria se Teerã estiver preparado para cooperar.

"É possível chegar a um acordo antes das eleições iranianas? Com certeza. Se o Irã fizer essa determinação política de que não vai pedir mais dos Estados Unidos em termos de alívio de sanções do que o que exige um retorno ao cumprimento do JCPOA, e não vai fazer menos em termos de seu compromisso nuclear do que um retorno à conformidade exige, então isso poderia ser feito com relativa rapidez", disse o funcionário.

"É provável? Só o tempo dirá, porque, como eu disse, esta é, em última análise, uma questão de decisão política que precisa ser tomada no Irã", acrescentou o funcionário.

© REUTERS / Escritório da Presidência do IrãO presidente iraniano, Hassan Rouhani, analisa as novas conquistas nucleares do Irã durante o Dia Nacional da Energia Nuclear do Irã em Teerã, Irã, 10 de abril de 2021
Acordo nuclear com o Irã pode ser reativado antes das eleições de 18 de junho no país - Sputnik Brasil, 1920, 06.05.2021
O presidente iraniano, Hassan Rouhani, analisa as novas conquistas nucleares do Irã durante o Dia Nacional da Energia Nuclear do Irã em Teerã, Irã, 10 de abril de 2021

As autoridades americanas retornam a Viena esta semana para uma quarta rodada de conversas indiretas com o Irã sobre como retomar o cumprimento do acordo, que o ex-presidente Donald Trump abandonou em 2018, levando o Irã a começar a violar seus termos cerca de um ano depois.

O ponto crucial do acordo era que o Irã se comprometeu a tomar medidas para controlar seu programa nuclear para dificultar a obtenção de material físsil para uma arma nuclear em troca de alívio das sanções de EUA e União Europeia (UE).

Teerã nega ter ambições de produzir armas nucleares.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала