- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Pazuello ganha novo cargo no governo Bolsonaro

© Foto / Carolina Antunes / Presidência da RepúblicaO ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello ganhou um novo cargo no governo Bolsonaro: a partir de 23 de abril de 2021 ele faz parte da Secretaria-Geral do Exército; foto de 16 de setembro de 2020
O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello ganhou um novo cargo no governo Bolsonaro: a partir de 23 de abril de 2021 ele faz parte da Secretaria-Geral do Exército; foto de 16 de setembro de 2020 - Sputnik Brasil, 1920, 23.04.2021
Nos siga noTelegram
O general Eduardo Pazuello ganhou um novo cargo no governo Bolsonaro nesta sexta-feira (23): o ex-ministro da Saúde agora faz parte do quadro de funcionários da Secretaria-Geral do Exército.

A mudança foi publicada no Diário Oficial da União. Entre as funções desta secretaria estão preparar reuniões do Alto Comando do Exército, assessorar o comandante do Exército e conduzir as cerimônias de entregas de condecorações e medalhas.

Sucedendo Nelson Teich como ministro, Pazuello ficou dez meses à frente do Ministério da Saúde, entre maio de 2020 e março de 2021. O general deixou a pasta no que era, até então, o pior momento da pandemia no Brasil. Marcelo Queiroga assumiu a pasta após a saída de Pazuello.

© Folhapress / Edu AndradeEm Brasília, o presidente brasileiro, Jair Bolsonaro (à esquerda), e o agora ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello (à direita), participam de cerimônia no salão nobre do Palácio do Planalto, em 14 de outubro de 2020
Pazuello ganha novo cargo no governo Bolsonaro - Sputnik Brasil, 1920, 23.04.2021
Em Brasília, o presidente brasileiro, Jair Bolsonaro (à esquerda), e o agora ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello (à direita), participam de cerimônia no salão nobre do Palácio do Planalto, em 14 de outubro de 2020

A gestão de Pazuello foi marcada pelo colapso do sistema de saúde no Amazonas, quando hospitais sofreram com a falta de oxigênio. O atraso na aquisição de vacinas contra a COVID-19 é outra falha atribuída a Pazuello.

O ex-ministro da Saúde provavelmente será ouvido nas próximas semanas no Congresso Nacional durante as investigações da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, que vai apurar possíveis omissões do governo federal na gestão da pandemia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала