Kremlin: Rússia não eleva tensão com Ocidente, mas reage às hostilidades

© Sputnik / Natalia Seliverstova / Abrir o banco de imagensKremlin, Moscou (foto de arquivo)
Kremlin, Moscou (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 20.04.2021
Nos siga noTelegram
A Rússia não eleva as tensões na relação com o Ocidente, mas reage às hostilidades, declarou Dmitry Peskov, o porta-voz da presidência russa.

"Realmente tem surgido uma determinada tensão nos últimos tempos. A Rússia de maneira alguma é responsável por criar essa tensão. Mas, por outro lado, a Rússia certamente reage sempre a quaisquer ações hostis. Nós sabemos que alguns países, tal como já falamos da República Tcheca, expressaram certas acusações completamente infundadas em relação à Rússia", afirmou Peskov.

No sábado (17), o chanceler da República Tcheca, Jan Hamacek, declarou a expulsão de 18 diplomatas russos apontados como presumíveis agentes dos serviços secretos russos. Ao mesmo tempo, Hamacek cancelou a visita prevista à Rússia para condução de negociações para obtenção da vacina Sputnik V.

De acordo com os serviços secretos tchecos, a Diretoria Principal de Inteligência (GRU, na sigla em russo) da Rússia esteve envolvida na explosão de um depósito de munição em Vrbetice que ocorreu em 2014.

Em resposta, na noite de domingo (18), a Rússia anunciou a expulsão de 20 diplomatas tchecos e determinou que eles deveriam deixar o país em 24 horas.

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia enfatizou que as declarações sobre o envolvimento de serviços de inteligência da Rússia na explosão em Vrbetice são absurdas e infundadas.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала