- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Brasil registra 3.070 mortes por COVID-19 e mais de 76 mil casos em 24 horas

© REUTERS / Diego VaraFuncionário empurra um caixão em sepultamento em cemitério na cidade de Porto Alegre, no Brasil, no dia 6 de abril de 2021
Funcionário empurra um caixão em sepultamento em cemitério na cidade de Porto Alegre, no Brasil, no dia 6 de abril de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 16.04.2021
Nos siga noTelegram
O Brasil registrou 3.070 mortes por COVID-19 nas últimas 24 horas, totalizando agora 369.024 óbitos desde o início da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes dos últimos sete dias passou a ser de 2.870.

Em comparação com a média de 14 dias atrás, a variação é de +2%, o que indica uma tendência de estabilidade nos óbitos causados pela doença.

Porém, seis estados ainda estão com a quantidade de mortes em alta: AP, ES, GO, PA, PR e RR.

Os números constam no levantamento do consórcio de veículos de imprensa, realizado a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde.

Com relação à quantidade de casos confirmados, foram registrados 76.249 novos diagnósticos nas últimas 24 horas. Agora o país tem 13.834.342 de casos confirmados de COVID-19.

A média móvel dos últimos sete dias é de 65.561 novos casos diários. A variação é de -1% em comparação aos registros de duas semanas atrás, indicando uma tendência de estabilidade também nos diagnósticos.

© REUTERS / Ricardo MoraesPessoas fazem fila para receber a vacina contra a COVID-19, em Belford Roxo, no Rio de Janeiro, no dia 31 de março de 2021
Brasil registra 3.070 mortes por COVID-19 e mais de 76 mil casos em 24 horas - Sputnik Brasil, 1920, 16.04.2021
Pessoas fazem fila para receber a vacina contra a COVID-19, em Belford Roxo, no Rio de Janeiro, no dia 31 de março de 2021

Vacinação no país

O Brasil atingiu a marca de 25.777.943 de pessoas vacinadas com a primeira dose contra a COVID-19. O número representa 12,17% da população brasileira.

Já a segunda dose foi aplicada em 9.134.959 de pessoas, o que corresponde a 4,31% da população.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала