Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Líbano condena invasão do seu espaço aéreo por Israel para ataques contra capital síria

© AP Photo / Hassan AmmarColunas pretas de fumaça em um subúrbio de Damasco, Síria (foto de arquivo)
Colunas pretas de fumaça em um subúrbio de Damasco, Síria (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 09.04.2021
Nos siga no
Quatro soldados do Exército da Síria ficaram feridos após bombardeio israelense perto de Damasco na quinta-feira (8). Além dos feridos, o bombardeio também teria provocado danos materiais nas localidades atingidas.

O Líbano condenou nesta sexta-feira (9) os ataques israelenses contra os subúrbios de Damasco e o uso para esses fins do espaço aéreo libanês.

"O Ministério das Relações Exteriores do Líbano condena fortemente o ataque aéreo de Israel contra os arredores de Damasco na noite de quinta-feira (8) […] [denunciamos] qualquer ataque à soberania da fraterna da Síria, e recusamos o uso do espaço aéreo libanês para o alvo, o ministério expressa sua plena solidariedade com a Síria em face dos repetidos ataques realizados pelo inimigo israelense", lê-se na declaração da chancelaria libanesa, citada pela agência de notícias síria SANA.

Pelo menos quatro soldados sírios ficaram feridos depois de um bombardeio perpetrado por Israel na periferia de Damasco. De acordo com os militares sírios, além dos feridos, o bombardeio israelense também teria provocado danos materiais nas localidades atingidas.

© REUTERS / Bassam KhabiehFumaça toma conta de Ghouta em Damasco
Líbano condena invasão do seu espaço aéreo por Israel para ataques contra capital síria - Sputnik Brasil, 1920, 09.04.2021
Fumaça toma conta de Ghouta em Damasco
​"Nossa defesa antiaérea derrubou a maioria dos foguetes. Como resultado do ataque, quatro soldados ficaram feridos", disse o Exército sírio na quinta-feira (8).

A chancelaria libanesa solicitou que a comunidade internacional intervenha e coloque um termo aos ataques israelenses contra a soberania libanesa.

Israel regularmente lançou centenas de ataques contra alvos militares ligados ao Irã na Síria ao longo dos anos, mas raramente reconhece ou discute tais operações. As autoridades sírias em mais de uma ocasião exigiram ao Conselho de Segurança da ONU que tome medidas para cessar a agressão de Israel contra a Síria, uma vez que essas ações colocam em risco a estabilidade regional.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала