Mídia norte-americana revela como EUA estão se preparando para guerra do futuro

© AP Photo / Aijaz RahiCaça F-16 da Força Aérea dos EUA
Caça F-16 da Força Aérea dos EUA - Sputnik Brasil, 1920, 06.04.2021
Nos siga noTelegram
Cada ano os EUA realizam os exercícios Red Flag, o que significa "bandeira vermelha". O treinamento melhora a prontidão de combate e ajuda a aperfeiçoar as estratégias da guerra tática avançada do futuro.

A Força Aérea dos Estados Unidos realiza exercícios regulares anuais Red Flag, simulando um jogo de guerra enorme entre as grandes potências mundiais, que o jornalista Kris Osborn descreve em seu artigo na revista The National Interest.

Durante a simulação de combate, a equipe amigável "azul" combate com a equipe inimiga "vermelha", que representa a ameaça e possui o equipamento avançado de alta tecnologia que a Força Aérea norte-americana poderia enfrentar em um grande confronto entre grandes potências.

Devido à pandemia da COVID-19, neste ano apenas as tropas dos EUA participarão dos exercícios, sem aliados. O treinamento incluirá algumas interessantes condições de combate em tempo frio no Complexo do Campo de Treinamento Conjunto do Alasca e Pacífico, inclusive na Base Conjunta Elmendorf-Richardson-Eielson no Alasca, EUA.

Nos anos passados, o exercício de guerra Red Flag gerou alguns resultados de alto impacto, desenvolvimentos que não apenas melhoram a prontidão de combate, mas também ajudam a aperfeiçoar as estratégias de guerra tática avançada do futuro, explica o jornalista.

"Durante os exercícios Red Flag do ano passado, na base aérea de Nellis, Nevada, por exemplo, aeronaves de quinta geração da Força Aérea atacaram os 'agressores' do Red Flag, inclusive uma aeronave inimiga de defesa aérea integrada avançada e resistiram a ataques cibernéticos", explicou o jornalista.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала