Cosmonautas russos identificam novos possíveis vazamentos na EEI

© Sputnik / Roscosmos / Abrir o banco de imagensA astronauta da NASA Ann McClain e os cosmonautas da Roscosmos Anton Shkaplerov (no centro) e Oleg Artemyev, membros da tripulação de apoio da Expedição 65, à Estação Espacial Internacional (EEI), antes de sessões de treinamento na espaçonave de transporte Soyuz MS-18, no cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, em 27 de março de 2021
A astronauta da NASA Ann McClain e os cosmonautas da Roscosmos Anton Shkaplerov (no centro) e Oleg Artemyev, membros da tripulação de apoio da Expedição 65, à Estação Espacial Internacional (EEI), antes de sessões de treinamento na espaçonave de transporte Soyuz MS-18, no cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, em 27 de março de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 03.04.2021
Nos siga noTelegram
Cosmonautas russos a bordo da Estação Espacial Internacional (EEI) identificaram outros três possíveis locais de vazamento de ar no módulo russo Zvezda, disse uma fonte da indústria espacial à Sputnik neste sábado (3).

"Nesta semana, os cosmonautas encontraram mais três possíveis locais de vazamento de ar na câmara intermediária do módulo Zvezda", disse a fonte, explicando que, ontem (2) e hoje (3), a equipe russa realizou trabalhos para vedar os pontos de possível vazamento com várias camadas de selante. 

Nas próximas horas, os cosmonautas deverão realizar um teste de ar na câmara intermediária do módulo Zvezda a fim de verificar a eficácia da vedação feita nos locais de possível vazamento. 

​Um pequeno vazamento de ar foi detectado pela primeira vez na Estação Espacial Internacional em setembro de 2019. A tripulação já identificou e selou duas rachaduras na EEI desde então.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала