- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Silveira volta a atacar Supremo: 'Vou mostrar para o Brasil quem é o STF'

© Folhapress / João Gabriel Alves/Agência EnquadrarO deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), no Batalhão da Polícia Militar do Rio de Janeiro, no dia 18 de fevereiro de 2021
O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), no Batalhão da Polícia Militar do Rio de Janeiro, no dia 18 de fevereiro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 19.02.2021
Nos siga noTelegram
Preso na Unidade Prisional da Polícia Militar do Rio de Janeiro, em Niterói (RJ), o deputado Daniel Silveira passeou pelo pátio do local na noite desta quinta-feira (18) e recebeu apoio de manifestantes.

O deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) foi visto, na noite desta quinta-feira (18), caminhando pelo pátio da Unidade Prisional da Polícia Militar do Rio de Janeiro, em Niterói (RJ), onde está preso, informou o portal G1.

O parlamentar circulou pelo local e recebeu o apoio de alguns manifestantes.

"Vou mostrar para o Brasil quem é o STF", disse Silveira, de acordo com o portal, em nova ofensiva contra a corte.

Na audiência de custódia, na tarde desta quinta-feira (18), o deputado havia mudado um pouco o tom do discurso e se referiu com respeito ao Supremo Tribunal Federal (STF) e ao ministro Alexandre de Moraes.

© Folhapress / Betinho Casas Novas/Futura PressDeputado federal Daniel Silveira (PSL) chega ao IML do Rio de Janeiro (RJ) nesta quarta-feira (17) para fazer exame de corpo de delito
Silveira volta a atacar Supremo: 'Vou mostrar para o Brasil quem é o STF' - Sputnik Brasil, 1920, 19.02.2021
Deputado federal Daniel Silveira (PSL) chega ao IML do Rio de Janeiro (RJ) nesta quarta-feira (17) para fazer exame de corpo de delito

Silveira foi preso na noite de terça-feira (16) após publicar um vídeo com ofensas e pedido de fechamento do Supremo Tribunal Federal (STF).

Mais cedo nesta quinta-feira (18), a Polícia Federal encontrou dois celulares na sala em que o deputado federal estava detido, no prédio da superintendência da corporação, no Rio de Janeiro. A PF abriu inquérito para investigar o episódio após encontrar os dispositivos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала