Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

OTAN confirma expansão de tropas no Iraque de 500 para 4.000 pessoas (VÍDEO)

© REUTERS / Olivier HosletO secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, em uma entrevista coletiva antes do conselho de ministros da defesa da OTAN na sede da aliança em Bruxelas, Bélgica, em 15 de fevereiro de 2021
O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, em uma entrevista coletiva antes do conselho de ministros da defesa da OTAN na sede da aliança em Bruxelas, Bélgica, em 15 de fevereiro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 18.02.2021
Nos siga no
A OTAN confirmou nesta quinta-feira (18) a decisão de expandir sua missão de treinamento no Iraque. O plano da aliança é aumentar gradualmente seu contingente de 500 para quatro mil pessoas.

Após uma videoconferência dos chefes dos ministérios da Defesa dos países aliados nesta quinta-feira (18), o secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, disse a repórteres que a aliança planeja "treinar mais ativamente e aconselhar mais instituições de segurança" em todo o Iraque.

"Decidimos expandir a missão de treinamento da OTAN no Iraque para apoiar as forças iraquianas na luta contra o terrorismo, para evitar o retorno do Daesh [organização terrorista proibida na Rússia e em uma série de países]. O número de nossa missão aumentará de 500 para cerca de 4.000 pessoas", disse ele.

O secretário-geral especificou que a missão se expandirá gradativamente dependendo da situação e em coordenação com o governo iraquiano e a coalizão internacional contra o terrorismo.

A missão da OTAN no Iraque foi lançada oficialmente em julho de 2018. Atualmente é composta por cerca de 500 instrutores, consultores e uma equipe de apoio de países e parceiros da aliança. Segundo informações oficiais, a missão da OTAN dedica-se exclusivamente ao treinamento das forças de segurança iraquianas, diretamente subordinadas ao governo de Bagdá. Ao mesmo tempo, os militares da OTAN não participam das hostilidades juntamente com as forças iraquianas.

Decisão sobre missão no Afeganistão pendente

O secretário-geral Jens Stoltenberg informou também que os ministros da Defesa da OTAN ainda não tomaram uma decisão final sobre a missão da aliança no Afeganistão, acrescentando que as discussões estão em andamento.

"Neste estágio, não tomamos nenhuma decisão final sobre o futuro de nossa presença. Mas como o prazo final de 1º de maio se aproxima, os aliados da OTAN continuarão a se consultar e coordenar de perto nas próximas semanas", disse Stoltenberg.

O acordo de paz entre os EUA e o Talibã (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países), assinado em 2020, prevê a retirada de todas as tropas estrangeiras do Afeganistão até 1º de maio.

O secretário-geral da OTAN acredita que ainda existe "um alto nível de violência" no Afeganistão. Segundo ele, as negociações de paz permanecem frágeis e existe o perigo de transformar o país em uma plataforma para o terrorismo internacional.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала