Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Catalunha pressiona UE para adquirir a vacina Sputnik V contra a COVID-19

© AP Photo / Eraldo PeresLogo da vacina russa contra COVID-19, Sputnik V, em laboratório da União Química que produz o imunizante em Brasília, 25 de janeiro de 2021
Logo da vacina russa contra COVID-19, Sputnik V, em laboratório da União Química que produz o imunizante em Brasília, 25 de janeiro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 12.02.2021
Nos siga no
Autoridades da Catalunha pediram à União Europeia (UE) para expandir sua lista de vacinas contra a COVID-19 aprovadas para incluir a Sputnik V, desenvolvida na Rússia.

A informação foi dada à âgencia Sputnik por um representante do governo da região semi-autônoma nesta sexta-feira (12).

"Nós, o governo [da Catalunha], estamos pedindo que todas as vacinas [incluindo a Sputnik V] estejam no mercado o mais cedo possível, pois queremos acelerar a vacinação", disse o representante.

A Espanha iniciou seu programa de imunização em massa contra a COVID-19 usando três vacinas - Pfizer, Moderna e AstraZeneca - que receberam aprovação para uso emergencial pela Agência Europeia de Medicamentos (EMA). Até o momento, 2,4 milhões de doses foram administradas no país, segundo dados publicados pelo Ministério da Saúde espanhol.

Carolina Darias, a ministra da Saúde da Espanha, disse em 3 de fevereiro que Madri não descartaria o uso da Sputnik V caso recebesse a aprovação da EMA.

© AP Photo / Felipe DanaCartaz na parede com a inscrição "Eu quero que você fique em casa", do artista TvBoy, em meio a pandemia, Barcelona, Espanha, 24 de março de 2020
Catalunha pressiona UE para adquirir a vacina Sputnik V contra a COVID-19 - Sputnik Brasil, 1920, 12.02.2021
Cartaz na parede com a inscrição "Eu quero que você fique em casa", do artista TvBoy, em meio a pandemia, Barcelona, Espanha, 24 de março de 2020

A Espanha é um dos países europeus mais impactados pela COVID-19. Segundo dados da Universidade Johns Hopkins, o país europeu tem 3.056.035 casos confirmados da COVID-19 e 64.747 mortes causadas pela doença. Em números absolutos, a Espanha é o nono país com mais óbitos na pandemia.

A Sputnik V já foi registrada em 27 países, incluindo Rússia, Bielorrússia, Argentina, Bolívia, Emirados Árabes Unidos, Hungria e México. Mais recentemente, autoridades de saúde no Cazaquistão também autorizaram a vacina desenvolvida pela Rússia.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала