Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Cientistas localizam região de origem dos coronavírus encontrando anticorpos em morcegos e pangolins

© East News / UIG / AuscapeMorcego-de-peluche (foto de arquivo)
Morcego-de-peluche (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 10.02.2021
Nos siga no
Durante pesquisa serológica de grande escala, realizada em nações do Sudeste Asiáticos, foi descoberto alto nível de anticorpos neutralizantes em morcegos e pangolins desta região.

Um grupo internacional de cientistas mostrou que os coronavírus ligados ao SARS-CoV-2 estão em morcegos e pangolins em China, Tailândia e Japão, segundo estudo publicado na revista Nature Communications.

No estudo, os cientistas usaram um teste de neutralização do vírus substituto do SARS-CoV-2 (sVNT), desenvolvido na Escola Médica Duke-NUS no início de 2020, chamado cPass. O teste é usado para identificação de anticorpos no sangue humano, capazes de neutralizar o SARS-CoV-2.

"Nossa pesquisa demostra que o teste de neutralização do vírus substituto do vírus SARS-CoV-2 também pode ser usado para monitorizar a origem do vírus em animais e efeitos colaterais em animais e humanos", disse o professor Lin-Fa Wang, que comandou o estudo.

Os pesquisadores descobriram um alto nível de anticorpos neutralizantes contra o SARS-CoV-2 em morcegos Rhinolophus e pangolins, que habitam vários países do Sudeste Asiático.

Nestes animais também foram encontrados muitos vírus da família SC2r-CoVs, embora o vírus SARS-CoV-2 não tivesse sido encontrado. Os cientistas concluíram que esta região é o lugar de origem de novos coronavírus.

"Nossa pesquisa ampliou a propagação geográfica de coronavírus diferentes geneticamente, ligados ao SARS-CoV-2, de Japão e China a Tailândia em uma distância de 4.800 quilômetros", segundo coautor do estudo Chee Wah Tan.

Tais estudos têm o significado crucial para entender os vírus ligados ao SARS-CoV-2 que existem na natureza e nos ajudam a se preparar para pandemias futuras, porque fornecem um mapa mais detalhado de zoonoses, de acordo com o doutor Patrick Casey.

É preciso realizar um estudo transfronteiriço urgente de animais selvagens para identificar o vírus predecessor do SARS-CoV-2, advertiram os pesquisadores.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала