Reino Unido estaria com 'apetite' em se juntar à 'OTAN asiática' para conter China

© AP Photo / Matt DunhamBandeira nacional do Reino Unido com a torre Big Ben ao fundo, Londres
Bandeira nacional do Reino Unido com a torre Big Ben ao fundo, Londres - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Durante visita à Índia em dezembro de 2020, o ministro das Relações Exteriores britânico, Dominic Raab, teria dito que "nada estava sendo descartado" no que toca à possibilidade de o Reino Unido se juntar ao Quad.

O Diálogo de Segurança Quadrilateral (Quad, na sigla em inglês) surgiu em novembro de 2017, quando EUA, Japão, Austrália e Índia concluíram um acordo para a criação de um quadro de segurança para o Indo-Pacífico, de modo a patrulhar e exercer influência do oceano Índico ao Pacífico, bem como dos disputados mares do Sul da China e da China Oriental.

De acordo com o The Times, a entrada do Reino Unido nesta "OTAN asiática" deveria ter sido discutida na visita do primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, à Índia, que, devido à pandemia, foi cancelada.

O jornal The Telegraph, por sua vez, relata que, ainda que sem propostas claras para Johnson, acredita-se que haja um "apetite" do governo britânico em se juntar à aliança Quad, em uma tentativa de enfrentar a crescente assertividade da China no cenário global.

Tal declaração foi precedida pelo ex-secretário de Relações Exteriores da Índia, Kanwal Sibal, sugerindo que os países do Quad continuarão a fortalecer a cooperação naval na região do Indo-Pacífico, uma vez que "a pressão marítima de compensação sobre a China" continuará em andamento.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала