- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Doria cancela feriado de Carnaval de São Paulo para conter pandemia da COVID-19

© Folhapress / Adeleke Anthony Fote/TheNews2Governador de São Paulo, João Doria, anuncia plano de vacinação contra a COVID-19
Governador de São Paulo, João Doria, anuncia plano de vacinação contra a COVID-19 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), decidiu cancelar o ponto facultativo no feriado de Carnaval no estado. A medida tem o objetivo de conter o avanço do novo coronavírus.

O anúncio foi feito em entrevista no Palácio dos Bandeirantes, concedida nesta sexta-feira (29). As informações foram publicadas pelo portal G1.

"O governo de São Paulo, assim como a prefeitura da capital, cancela o ponto facultativo do Carnaval. Portanto, não teremos feriado de Carnaval em todo o estado. Essa é a recomendação do Centro de Contingência para, com isso, manter sob controle a expansão da pandemia", afirmou Doria.
© Folhapress / Guilherme Rodrigues/MyPhoto PressDesfile da escola de samba Águia de Ouro, do Grupo Especial do Carnaval de São Paulo, no Sambódromo do Anhembi, na noite deste domingo (23).
Doria cancela feriado de Carnaval de São Paulo para conter pandemia da COVID-19 - Sputnik Brasil
Desfile da escola de samba Águia de Ouro, do Grupo Especial do Carnaval de São Paulo, no Sambódromo do Anhembi, na noite deste domingo (23).

O secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, fez um apelo para que as prefeituras também cancelem o ponto facultativo.

"O governo do estado toma esta decisão por entender que, pela saúde, é o mais correto para seguir com esse arrefecimento da evolução da pandemia no estado. É um ponto facultativo, portanto, o governo do estado, tomando essa decisão, as prefeituras também têm essa prerrogativa no que tange aos serviços municipais. A Prefeitura de São Paulo já tomou essa decisão, e a nossa recomendação é que sigam essa prerrogativa da ciência e da medicina", declarou o secretário.

O governo paulista anunciou também o início da vacinação de idosos acima de 90 anos para 8 de fevereiro e, para aqueles acima de 85 anos, para o dia 15.

Até esta sexta-feira (29), cerca de 352 mil profissionais de saúde foram vacinados no estado.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала