Radiação altíssima na Fukushima-1 pode atrasar demolição da usina nuclear japonesa

© East News / East News/Associated Press/Yomiuri ShimbunFukushima 1
Fukushima 1 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Um relatório japonês avisa que os níveis de radiação em algumas zonas da usina nuclear são suficientemente elevados para acabar com a vida de uma pessoa em poucas horas.

Faltando cerca de um mês para o décimo aniversário do acidente na usina nuclear de Fukushima-1, a Autoridade de Regulação Nuclear do Japão publicou na segunda-feira (26) a primeira versão de relatório interno com resultados da investigação de uma falha que indica que, em algumas áreas da usina, os níveis de radiação permanecem extremamente altos, o que poderia demorar o processo de demolição do complexo, informa o jornal The Japan News.

De acordo com documento, a concentração da contaminação foi localizada perto do quinto andar dos edifícios dos reatores nas segunda e terceira unidades. Em termos de dose, a radiação detectada seria equivalente a vários sieverts por hora, o que significa que se uma pessoa entrasse na área contaminada, absorveria uma dose fatal em apenas algumas horas.

© Foto / Arkadiusz Podniesinski/REXDosímetro mostra nível elevado de radiação em Fukushima
Radiação altíssima na Fukushima-1 pode atrasar demolição da usina nuclear japonesa - Sputnik Brasil
Dosímetro mostra nível elevado de radiação em Fukushima
Além do mais, analisando as obras realizadas após o acidente que ocorreu em março de 2011 na sequência de um terremoto e posterior tsunami, o documento ressaltou a importância de garantir o funcionamento da ventilação dentro das unidades da usina.

Planeja-se que a demolição comece com a eliminação dos resíduos de combustível nuclear do reator da segunda unidade. Conforme o percurso de extração, poderia ser necessário retirar a tampa de proteção do reator, um procedimento que levaria bastante tempo para ser concluído, não apenas pela necessidade de precaução devido a altos níveis de radiação, mas também pela dificuldade de levantar a tampa, que pesa 465 toneladas.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала