Após ser internado com COVID-19, apresentador Larry King, morre aos 87 anos

© REUTERS / GUS RUELASO apresentador de televisão e rádio Larry King chega na noite de abertura do UCLA Film and Television Archive em Los Angeles, Califórnia, EUA
O apresentador de televisão e rádio Larry King chega na noite de abertura do UCLA Film and Television Archive em Los Angeles, Califórnia, EUA - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O apresentador de TV dos Estados Unidos, Larry King, morreu neste sábado (23) aos 87 anos, segundo comunicado escrito em seu perfil oficial no Twitter.

King foi hospitalizado no início deste mês, após teste positivo para COVID-19. Ele vinha lutando contra uma série de problemas de saúde nos últimos anos.

O apresentador, com seus suspensórios e óculos de aro preto, era mais conhecido por uma temporada de 25 anos como apresentador do talk show "Larry King Live" da CNN.

"Por 63 anos e em todas as plataformas de rádio, televisão e mídia digital, os muitos milhares de entrevistas, prêmios e aclamação global de Larry constituem um testemunho de seu talento único e duradouro como locutor", escreveu a Ora Media — empresa co-fundada pelo apresentador — em comunicado.

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, elogiou a memória e o "grande profissionalismo" do jornalista americano, que o havia entrevistado várias vezes, anunciou o Kremlin.

"O presidente sempre apreciou seu grande profissionalismo e sua indiscutível autoridade jornalística", disse o porta-voz do chefe de Estado russo, Dmitry Peskov.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала