Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Estado indiano renomeia fruta-dragão para zombar da China

© AFP 2021 / Aman RochmanFruta-dragão
Fruta-dragão - Sputnik Brasil
Nos siga no
O governo do estado de Gujarat, Índia, decidiu mudar o nome da fruta-dragão para um nome em sânscrito, para que a palavra "dragão" não faça lembrar a China.

Na terça-feira (19), o ministro-chefe Vijay Rupani informou à mídia local que o governo do Partido do Povo Indiano no estado de Gujarat decidiu mudar o nome da fruta-dragão para "kamalam" (lótus, em sânscrito), pois a forma da fruta parece com a flor de lótus, que também é símbolo do partido, de acordo com o jornal South China Morning Post.

"O nome fruta-dragão não é adequado porque pensa-se na China. Por isso, demos o nome kamalam", disse Rupani. "Os agricultores dizem que ela se parece com a flor de lótus e assim vamos a chamar de kamalam."

O governo do Estado solicitou uma patente para renomear o fruto.

A Índia importa as frutas-dragão do Vietnã e da América do Sul, ao mesmo tempo que possui produção local em alguns estados, como Gujarat e Maharashtra. Segundo o Ministério do Comércio do Vietnã, 99% das frutas-dragão no mercado chinês são importadas de Hanói, capital do Vietnã.

A decisão foi anunciada meses após o primeiro-ministro Narendra Modi elogiar os agricultores durante um programa de rádio por cultivar a fruta-dragão na região árida de Kutch (Gujarat), como parte de sua missão governamental para fazer o país "autossuficiente".

"Depois disso os agricultores se aproximaram de mim e ofereceram mudar o nome da fruta-dragão para kamalam", afirmou Vinod Chavda, membro do Parlamento de Kutch.

Os agricultores expressaram sua alegria ao saberem que o governo local decidiu mudar o nome da fruta, revelando que o nome indiano trará mais felicidade ao alimento.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала