Grupo de sherpas do Nepal é o 1º a escalar o K2 durante o inverno (FOTOS E VÍDEO)

© REUTERS / ##GorzkowskaInPostK2Winter/HandoutAlpinista polonesa Magdalena Gorzkowska tenta escalar a montanha K2 no inverno, no Paquistão
Alpinista polonesa Magdalena Gorzkowska tenta escalar a montanha K2 no inverno, no Paquistão - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Neste sábado (16), um grupo inteiramente nepalês formado por dez integrantes conseguiu subir pela primeira vez, no inverno do Himalaia, a perigosa montanha K2.

O primeiro grupo a alcançar os 8.611 metros do K2 durante o inverno no Himalaia foi composto por dez escaladores: Nirmal "Nims" Purja, Gelje Sherpa, Mingma David Sherpa, Mingma Tenzi Sherpa, Pem Chhiri Sherpa , Dawa Temba Sherpa, Mingma Gyalje Sherpa, Dawa Tenzin Sherpa, Kili Pemba Sherpa e Sona Sherpa.

Entre eles, destaque para o famoso Nirmal Purja, que ganhou notoriedade ao escalar todos os 14 picos de 8.000 metros em seis meses.

Os sherpas chegaram ao topo da montanha às 17 horas (06h00 no horário de Brasília), escreve o portal Desnivel. Alguns detalhes importantes ainda estão pendentes de confirmação, principalmente se algum dos dez nepaleses subiu a montanha sem usar oxigênio suplementar.

O impossível se torna possível! História feita para a humanidade, História feita para o Nepal!

O feito neste sábado (16) encerra 33 anos de tentativas, em que sete expedições foram rejeitadas pelas imprevisibilidades da montanha. Foi a primeira vez que foram alcançados os 8.611 metros no inverno, já que a maior altitude até então havia sido definida por Denis Urubko, com seus 7.800 metros em 2003.

Vista do gargalo da garrafa - o último grande obstáculo antes do cume do K2.​

Ainda ontem (15), os sherpas Mingma Gyalje, Mingma "David" Sherpa, Mingma Tenzi Sherpa e Sona Sherpa conseguiram chegar ao C4 (uma das últimas bases da montanha) e marcar um ponto de altura de 7.800 metros. Depois retornaram ao C3 (7.350 m), de onde lançaram o ataque ao cume neste sábado (16).

Rei do norte, o poderoso K2​. Vista da expedição K2 inverno 2021.

A montanha K2

O K2 (também conhecida como monte Godwin-Austen) é a segunda montanha mais alta do mundo, depois do Monte Everest, com 8.611 metros de altitude. A montanha está localizada na fronteira da China com o Paquistão. O K2 é o ponto mais alto da cordilheira de Caracórum, e o ponto mais alto no Paquistão. O monte é conhecido como "montanha selvagem" devido à extrema dificuldade de subida.

Apesar de o Everest ser mais alto, a K2 é mais letal. A taxa de fatalidade - percentual de mortos para cada pessoa que atinge o cume - do K2 é superior a do Everest. Até 2009, o K2 registrava uma taxa de 25,75%, enquanto que a taxa do Everest era de 7%. Em outras palavras, de cada quatro pessoas que chegaram ao topo do K2, uma morreu.

© AP Photo / DesconhecidoFoto da 29ª expedição Karakoram Himalaya, dos EUA e da Alemanha. O cume é visto no fundo desta foto feita no acampamento da expedição. Em primeiro plano, pode-se ver uma tenda e alguns dos suprimentos em 20 de julho de 1960.
Grupo de sherpas do Nepal é o 1º a escalar o K2 durante o inverno (FOTOS E VÍDEO) - Sputnik Brasil
Foto da 29ª expedição Karakoram Himalaya, dos EUA e da Alemanha. O cume é visto no fundo desta foto feita no acampamento da expedição. Em primeiro plano, pode-se ver uma tenda e alguns dos suprimentos em 20 de julho de 1960.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала