Água contaminada provoca intoxicação em mais de 100 pessoas na república russa de Daguestão

© Sputnik / Ilya Pitalev / Abrir o banco de imagensParamédico perto de um hospital para pacientes com suspeita de infecção por coronavírus em Kommunarka, Moscou, Rússia (arquivo)
Paramédico perto de um hospital para pacientes com suspeita de infecção por coronavírus em Kommunarka, Moscou, Rússia (arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Ao menos 97 menores e 18 adultos foram intoxicados por suposto consumo de água contaminada na cidade russa de Buynaksk, na República do Daguestão, Norte do Cáucaso, na Rússia.

Os casos foram identificados, de acordo com as autoridades de saúde da região, entre o último domingo (10) e esta quinta-feira (14). Pelo menos 83 pessoas precisaram ser hospitalizadas, incluindo 69 crianças. Não há pacientes em estado grave

As informações preliminares dão conta de um surto de infecção intestinal por consumo de água potável contaminada. Com base nessa premissa, foram colocadas em prática várias medidas de profilaxia e investigação da provável origem da contaminação. Também estão sendo realizadas visitas domiciliares para identificação de possíveis novos casos de intoxicação. 

​Por enquanto, o Ministério da Saúde do Daguestão está pedindo à população de Buynaksk para consumir água fervida ou engarrafada, inclusive para fazer a higienização dos alimentos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала