EUA desenvolvem 'perigoso' míssil hipersônico de alcance intermediário, diz mídia

© flickr.com / Daniel DeCristoMíssil de médio alcance norte-americano, Pershing II
Míssil de médio alcance norte-americano, Pershing II - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Pentágono anunciou que seu programa de desenvolvimento de míssil hipersônico de alcance intermediário lançado do solo avançou para a fase de montagem e teste.

Na segunda-feira (11), a Agência de Projetos de Pesquisa Avançada de Defesa (DARPA, na sigla em inglês) dos EUA afirmou que iniciaria a fase 3b do processo de desenvolvimento, que inclui fabricação e montagem do míssil, bem como teste de voo.

Com isso, os EUA seguem esperançosos em alcançar as capacidades obtidas pela China e Rússia, pois ambas já possuem ao menos um míssil capaz de voar cinco vezes mais rápido do que a velocidade do som.

Anteriormente, a Air Force Magazine reportou que os EUA falharam no lançamento do míssil AGM-183A no mês passado, tendo seu teste de voo adiado para este ano.

O míssil hipersônico experimental HAWC, que está sendo construído pela Raytheon, Lockheed Martin e DARPA, também vem sofrendo repetidos atrasos devido a uma sequência de "erros banais".

© AP Photo / Thomas KienzleMíssil balístico intercontinental de médio alcance Pershing II na base norte-americana na Alemanha
EUA desenvolvem 'perigoso' míssil hipersônico de alcance intermediário, diz mídia - Sputnik Brasil
Míssil balístico intercontinental de médio alcance Pershing II na base norte-americana na Alemanha

De acordo com o portal Breaking Defense, o programa da DARPA, iniciado em 2017, será desenvolvido a longo prazo, com os testes previstos para 2023.

Contudo, o programa de integração do sistema de armas de fogo operacional (OpFires) promete ser mais perigoso que o Pershing II, já que poderá ser regulável, o que permitiria atingir alvos mais próximos.

O portal Breaking Defense cita que se a DARPA encontrar uma forma de desenvolver um motor de foguete seguro e confiável, que possa ser desligado a qualquer momento, então será capaz de desenvolver um míssil muito veloz e de alcance versátil.

Devido à complexidade do motor do projétil, o restante do míssil precisará de itens prontos, como o que a Arma de Resposta Rápida de Lançamento Aéreo (ARRW, na sigla em inglês) usará, e um motor básico de foguete de primeiro estágio com combustível sólido.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала