Pence diz a Trump que não pode rejeitar certificação do Congresso sobre eleições, escreve jornal

© AP Photo / Andrew HarnikEm Charlotte, no estado norte-americano da Carolina do Norte, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, posa ao lado do vice-presidente Mike Pence, durante a convenção partidária republicana, em 24 de agosto de 2020
Em Charlotte, no estado norte-americano da Carolina do Norte, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, posa ao lado do vice-presidente Mike Pence, durante a convenção partidária republicana, em 24 de agosto de 2020 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O vice-presidente dos EUA, Mike Pence, disse ao presidente Donald Trump que não tem o poder de bloquear a certificação do Congresso da vitória de Joe Biden na eleição presidencial de 2020.

As informações foram publicadas pelo jornal The New York Times nesta terça-feira (5), citando fontes familiarizadas com o assunto.

Trump classificou a informação publicada pelo jornal como "falsa" e disse que Pence nunca falou que não pode bloquear a certificação do Congresso.

"A reportagem do New York Times sobre os comentários que o vice-presidente Pence supostamente fez para mim hoje é uma notícia falsa. Ele nunca disse isso. O vice-presidente e eu estamos totalmente de acordo que o vice-presidente tem o poder de agir", disse o presidente, segundo Daily Mail.

A notícia aparece horas depois de o presidente Donald Trump ir às redes sociais para afirmar que o vice-presidente tem poder de veto sobre o processo eleitoral.

O vice-presidente tem o poder de rejeitar eleitores escolhidos de forma fraudulenta.

Segundo a Constituição dos Estados Unidos, cabe ao vice-presidente do país presidir a sessão conjunta do Congresso na qual os votos do Colégio Eleitoral são contados e anunciar quem foi o vencedor. A cerimônia está marcada para ocorrer nesta quarta-feira (6).

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала