Japão decide adiar modernização de seus caças F-15 com mísseis de cruzeiro americanos

© AP Photo / Greg BakerAviões da Força Aérea F-22 Raptors e F-15 Eagles na base aérea de Kadena, Okinawa, Japão (foto de arquivo)
Aviões da Força Aérea F-22 Raptors e F-15 Eagles na base aérea de Kadena, Okinawa, Japão (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Japão não incluirá no ano fiscal de 2021 as despesas correspondentes ao reequipamento de seus caças F-15, segundo fontes governamentais.

No início, o projeto de financiamento previa a despesa de US$ 205 milhões (cerca de R$ 1,038 bilhão) para equipar estas aeronaves com mísseis de cruzeiro de longo alcance (até 900 quilômetros) fabricados nos EUA. No entanto, o custo poderia quintuplicar devido à escassez de componentes usados na construção dos mísseis, escassez que tem afetado os fabricantes norte-americanos, relata a agência Kyodo.

Antes do aumento dos preços, o governo japonês planejava concluir a atualização dos seus 20 F-15 até 2027.

O equipamento dos caças japoneses com novos mísseis, o que permite disparar fora do alcance do inimigo convencional, tem a ver com a aspiração de Tóquio de conter o crescente potencial militar da China.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала