Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Governo Bolsonaro planeja abrir estrada em área de proteção integral na Amazônia, diz jornal

© Folhapress / Bruno Rocha/FotoarenaTerreno desmatado e queimado é visto na floresta Amazônia nos arredores de Porto Velho, em Rondônia, em 2019
Terreno desmatado e queimado é visto na floresta Amazônia nos arredores de Porto Velho, em Rondônia, em 2019 - Sputnik Brasil
Nos siga no
O governo do presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, pretende levar adiante projeto de estrada sobre área de proteção integral na região da fronteira com o Peru.

Conforme publicou neste domingo (22) o jornal O Estado de São Paulo, a estrada passaria pelo Parque Nacional da Serra do Divisor, área de maior biodiversidade na região. Além da área de proteção ambiental, há também três terras indígenas demarcadas no caminho – Nukini, Jaminawa do Igarapé Preto e Poyama. A terra de Poyama fica a apenas 1,5 km do traçado planejado.

Ainda segundo a publicação, o objetivo é criar uma rodovia de 152 quilômetros entre o município de Cruzeiro do Sul, no Acre, e a fronteira, ligando a rodovia à cidade peruana de Pucallpa. Um estudo sobre o projeto está sendo realizado pelo Departamento de Infraestrutura de Transportes (Dnit), um órgão que tem ligação com o Ministério da Infraestrutura.

© Folhapress / Lalo de AlmeidaEm Cusco, no Peru, operários trabalham no asfaltamento do trecho 2 da Estrada do Pacífico, na Cordilheira dos Andes
Governo Bolsonaro planeja abrir estrada em área de proteção integral na Amazônia, diz jornal - Sputnik Brasil
Em Cusco, no Peru, operários trabalham no asfaltamento do trecho 2 da Estrada do Pacífico, na Cordilheira dos Andes

O projeto daria continuidade à BR-364 e serviria como ligação ao oceano Pacífico, ampliando a capacidade de escoamento de produção. O jornal aponta também que o Itamaraty está trabalhando para acelerar o projeto, mas que já existe uma rodovia com o mesmo objetivo na região, a Estrada do Pacífico, que parte da capital do Acre, Rio Branco.

A publicação aponta ainda que será necessário resolver o impacto contra as terras indígenas e obter licença ambiental para derrubar cerca de 130 quilômetros de área de mata virgem e cruzar dezenas de rios. Além disso, o status de área de proteção integral da Serra do Divisor proíbe qualquer obra na região. No Congresso há um projeto de lei voltado para transformar a região em uma área de preservação ambiental (APA) e facilitar obras como essa na região.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала