Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

'Papel vergonhoso, ultrajante e triste', diz Maduro sobre prorrogação das sanções da UE

© AFP 2021 / Juan BarretoPresidente da Venezuela, Nicolás Maduro, no palácio presidencial de Miraflores, em Caracas
Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, no palácio presidencial de Miraflores, em Caracas - Sputnik Brasil
Nos siga no
União Europeia (UE) anunciou nesta quinta-feira (12) a prorrogação por um ano, até 14 de novembro de 2021, de suas medidas restritivas contra a Venezuela.

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, disse nesta quinta-feira (12) que a União Europeia está alinhada com Donald Trump e que "desempenha um papel vergonhoso na extensão das sanções contra seu país".

O pronunciamento foi feito pela rede Telesur logo após a UE ter confirmado a manutenção de sanções contra o país latino.

​A União Europeia continua a apoiar o bloqueio ao povo venezuelano, alargando as suas sanções ilegais. Mesmo nessas circunstâncias, eles ainda estão atrás de Donald Trump. É uma política cruel e fracassada, com claros sinais de colonialismo frustrado

"A União Europeia ficou colada à Donald Trump e automaticamente continua com sua política cruel, implacável e malsucedida contra a Venezuela. Papel vergonhoso, ultrajante e triste que a UE desempenha contra o nobre povo da Venezuela", disse Maduro durante o discurso.

"Nem com sanções, nem com olhares feios, nem com ameaças, nem milhares de Donald Trump que emergem da Europa conseguirão nos derrotar", concluiu.

As sanções

Segundo nota do Conselho da UE, a decisão da manutenção das medidas restritivas foi tomada à luz da atual "crise política, econômica, social e humanitária na Venezuela, com ações persistentes que minam a democracia e o respeito pelos direitos humanos".

A medida foi adotada pela UE menos de um mês antes das eleições parlamentares de 6 de dezembro na Venezuela, às quais decidiu não enviar missão de observação por considerar que não estavam reunidas as condições para a realização das eleições.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала