Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Força Aérea dos EUA compra drones chineses e causa preocupações de segurança

© AP Photo / Northrop Grumman via Marinha dos EUA, Erik HildebrandtDrone Americano RQ-4 Global Hawk (imagem de arquivo)
Drone Americano RQ-4 Global Hawk (imagem de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga no
Força Aérea dos Estados Unidos comprou veículos aéreos não tripulados, produzidos pela empresa chinesa DJI, causando preocupação de legisladores norte-americanos devido a possível vazamento de informações.

Em setembro, o Comando de Operações Especiais da Força Aérea dos EUA comprou 57 drones da empresa chinesa DJI, a maior fabricante mundial de veículos aéreos não tripulados. Os veículos serão usados para mostrar aos militares norte-americanos como drones podem ser usados contra os EUA e aliados e como podem ser desarmados, de acordo com o jornal The Wall Street Journal.

As autoridades oficiais da Força Aérea dos EUA consideram vantajosa a compra dos drones chineses, e acreditam que os veículos sejam úteis.

Por outro lado, há quem critique a compra, justificando que os drones chineses podem ser usados para recolher informações sobre as Forças Armadas dos EUA e infraestrutura importante ou para espionagem, no intuito de vazar dados à China.

"Por que deixaríamos o governo dos EUA comprar drones da China? A compra permite que Pequim recolha dados sigilosos e recompensa um inimigo em detrimento de nossos próprios fabricantes norte-americanos", comentou o senador Christopher Murphy, citado pelo The Wall Street Journal.

Quando drones são usados, militares utilizam software de segurança cibernética e implementam regras estritas, afirmou o porta-voz do Comando de Operações Especiais, Tim Hawkins.

O representante da DJI, Adam Lisberg, afirmou que os drones da empresa chinesa são equipados com meios de proteção de informação. Casos de vazamento de dados, recolhidos por drones da DJI, nunca foram registrados, destacou, segundo o jornal.

Vale destacar que a lei, aprovada no ano passado, do orçamento para defesa nacional para o ano fiscal de 2020 proíbe o uso e a compra de drones fabricados pela China, no entanto, permite o uso de drones com o objetivo de treinamento e reconhecimento.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала