Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Ministério da Defesa do Azerbaijão afirma ter derrubado caça Su-25 armênio

© Foto / Ministério da Defesa de ArmêniaCaça de assalto Su-25 da Força Aérea da Armênia (imagem de arquivo)
Caça de assalto Su-25 da Força Aérea da Armênia (imagem de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga no
Baku anunciou ter derrubado um caça Su-25 pertencente à Força Aérea da Armênia após a aeronave atacar posições azeris.

Em um comunicado, o Ministério da Defesa do Azerbaijão informou sobre a ação militar:

"Em 1º de novembro, unidades das Forças Armadas da Armênia tentaram lançar um ataque no trecho de Zangilan da fronteira armênio-azeri. O adversário abriu fogo de morteiros e outras armas de grande calibre contra posições de nossas unidades [...], seu plano foi descoberto oportunamente. Como resultado, o adversário perdeu até 30 efetivos, também foi derrubado um avião de assalto Su-25 que atacava nossas posições".

Presença de soldados turcos

Por sua vez, o porta-voz do presidente de Nagorno-Karabakh, Vagram Pogosyan, anunciou que uma unidade de voluntários eliminou "20 membros de um comando turco de forças especiais" no território.

© Sputnik / Ilia Pitalev / Abrir o banco de imagensHomens armados durante o conflito em Nagorno-Karabakh
Ministério da Defesa do Azerbaijão afirma ter derrubado caça Su-25 armênio - Sputnik Brasil
Homens armados durante o conflito em Nagorno-Karabakh

Segundo eles, nesta segunda-feira (2), o presidente da república não reconhecida, Araik Arutyunyan, se encontrou com soldados das unidades de voluntários.

"Aliás, o pessoal da unidade Shahen Meghrian, composta por habitantes de Shahumyan, liquidou, em combates próximo ao povoado de Avetaranots, no distrito de Askeron, 20 dos 22 membros do comando turco de operações especiais. Somente dois conseguiram se salvar ao fugir", disse Pogosyan.

O conflito armado entre as forças armênias e azeris em Nagorno-Karabakh recomeçou em 27 de outubro. Este território, de população majoritariamente armênia, é foco de conflito desde 1988, quando decidiu se separar do Azerbaijão.

Baku pretende recuperar sua soberania sobre a república não reconhecida, enquanto a Armênia defende os interesses da população do território disputado.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала