Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Supostamente extinta, aranha incomum surge em campo militar no Reino Unido (FOTO)

Nos siga no
Uma das maiores aranhas do Reino Unido foi descoberta em um campo de treinamento do Ministério da Defesa britânico. A espécie não era vista há 27 anos.

Agora, um ecologista do Surrey Wildlife Trust, entidade de conservação ambiental da Inglaterra, encontrou espécimes deste aracnídeo. A aranha-raposa (alopecosa fabrilis) é uma caçadora noturna, conhecida por sua velocidade e agilidade, bem como por seus oito olhos negros, que fornecem uma visão envolvente.

O aracnídeo está catalogado em perigo crítico de extinção, sendo considerado extinto no Reino Unido após ser visto pela última vez em 1993, conforme o The Guardian. 

As 22 aranhas, incluindo dez machos e uma fêmea, com patas peludas e espinhosas, foram encontradas em uma área de treinamento do Ministério da Defesa em Surrey, por Mike Waite, entusiasta de aranhas do Surrey Wildlife Trust.

© Foto / Surrey Wildlife Trust / Mike WaiteAranha-raposa (alopecosa fabrilis)
Supostamente extinta, aranha incomum surge em campo militar no Reino Unido (FOTO) - Sputnik Brasil
Aranha-raposa (alopecosa fabrilis)

A espécie é um das maiores da família da aranhas-lobo Lycosidae, que não usam teias de aranha para capturar suas presas. Estas aranhas perseguem-nas através do terreno arenoso e rochoso, atacando-as em seguida.

As presas, incluindo insetos como besouros, formigas e pequenas aranhas, são imobilizadas após o predador injetar seu veneno.

"Esta criatura de aspecto formidável é impressionante, perfeitamente camuflada e também em grande parte noturna e, para seu tamanho, tem sido notavelmente esquiva", declarou Waite.

A espécie é nativa do Reino Unido e foi encontrada pela primeira vez há 120 anos. Apesar de seu tamanho, as aranhas são difíceis de ver por serem principalmente noturnas.

Além disso, a espécie gosta de climas quentes e é mais comum no continente europeu, principalmente nas dunas de areia da costa dos Países Baixos e Dinamarca.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала