Forças Armadas do Azerbaijão atingem alvos civis em Stepanakert, informa MRE de Nagorno-Karabakh

© Sputnik / Abrir o banco de imagensConsequências do bombardeio de Stepanakert, capital da república não reconhecida de Nagorno-Karabakh (foto de arquivo)
Consequências do bombardeio de Stepanakert, capital da república não reconhecida de Nagorno-Karabakh (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
As Forças Armadas do Azerbaijão atingiram alvos civis em Stepanakert, no momento não há informações sobre vítimas, segundo o Ministério das Relações Exteriores de Nagorno-Karabakh.

"Neste momento, as Forças Armadas do Azerbaijão estão novamente atingindo Stepanakert, alvos civis foram atacados por drones kamikazes e mísseis. No momento não há informações sobre vítimas", informou.

De acordo com o correspondente da Sputnik, em diversas partes de Stepanakert, bem como em seus subúrbios, são visíveis colunas de fumaça.

© Sputnik / Mikhail Voskresensky / Abrir o banco de imagensResidências destruídas após ataques à cidade de Ganja, em Nagorno-Karabakh
Forças Armadas do Azerbaijão atingem alvos civis em Stepanakert, informa MRE de Nagorno-Karabakh - Sputnik Brasil
Residências destruídas após ataques à cidade de Ganja, em Nagorno-Karabakh

Há poucos dias, os presidentes da Rússia, EUA e França apelaram para o fim imediato das ações militares na região, exigindo que Erevan e Baku reiniciem negociações sem condições prévias.

O conflito, que se agravou em 27 de setembro deste ano, teve início em fevereiro de 1988, quando a região de Nagorno-Karabakh declarou independência em relação à República Socialista Soviética do Azerbaijão, iniciando uma guerra que culminou com a perda de controle territorial pelo Azerbaijão.

Porém, Baku tem mantido firme a intenção de restabelecer sua soberania sobre o território perdido, protegido atualmente pelas Forças Armadas da Armênia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала