- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Brasil e Portugal fecham parceria para fabricar novo avião turboélice

© Foto / DESAERAvião de transporte leve ATL-100, um projeto desenvolvido entre a empresa portuguesa CEiiA e a brasileira DESAER
Avião de transporte leve ATL-100, um projeto desenvolvido entre a empresa portuguesa CEiiA e a brasileira DESAER - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A DESAER – Desenvolvimento Aeronáutico e o Centro de Excelência para a Inovação da Indústria Automóvel e Aeroespacial (CEIIA) assinaram um acordo visando o desenvolvimento, construção e comercialização do avião de transporte leve ATL-100.

A empresa brasileira DESAER e o centro português CEIIA, sedeado em Matosinhos, assinaram um acordo para o desenvolvimento de uma aeronave luso-brasileira com configurações para transporte de até 19 pessoas e carga de até duas toneladas e meia.

A cooperação foi anunciada no dia 25 de setembro pela ministra da Coesão Territorial de Portugal, Ana Abrunhosa.

A ministra declarou que a cooperação para construir o novo avião pode resultar em 1.200 novos empregos em Portugal.

A fase de desenvolvimento do projeto ATL-100 deverá durar aproximadamente três anos, sendo que "em todas as fases, o projeto será executado por profissionais portugueses e brasileiros em infraestruturas localizadas em Portugal e no Brasil", explica o CEIIA.

Além do avanço tecnológico, o projeto é muito significativo para Portugal, que reforça seu campo industrial, a partir desta colaboração.

O projeto será focado na sustentabilidade, contando com tecnologias menos poluentes em seus componentes, podendo no futuro, incluir novas tecnologias como motores elétricos e outras inovações "verdes".

A aeronave tem como objetivo suprir as necessidades de transporte regional em áreas já adensadas e em regiões remotas, exigindo pouca infraestrutura no solo e fornecendo a possibilidade de realizar pousos em pistas curtas e não pavimentadas, conforme comunicado do CEIIA.

O CEIIA participa do Programa KC-390, desenvolvido pela brasileira Embraer, além de ter ganho um contrato para a concessão e desenvolvimento de aeroestruturas do primeiro modelo de avião a ser construído pela chinesa Guanyi.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала