Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

FOTOS mostram Exército brasileiro operando pela 1ª vez sistema de drones na Amazônia

Nos siga no
A Brigada de Infantaria Paraquedista operou o sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.

A ação fez parte da Operação Amazônia 2020, o maior exercício de adestramento militar realizado na região, conforme o Exército Brasileiro.

A Brigada de Infantaria Paraquedista realizou seis missões de voo de reconhecimento utilizando um Sistema de Aeronaves Remotamente Pilotadas (SARP) de categoria 1, que é composto por duas aeronaves brasileiras FT-100 Horus.

© Foto / Assessoria de Imprensa do Ministério da Defesa Exército Brasileiro / Cia Prec Pqdt Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.
Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico - Sputnik Brasil
1/4
Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.
© Foto / Serviço de Imprensa do Ministério da Defesa Exército Brasileiro / Cia Prec Pqdt Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.
Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico - Sputnik Brasil
2/4
Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.
© Foto / Assessoria de Imprensa do Ministério da Defesa Exército Brasileiro / Cia Prec Pqdt Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.
Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico - Sputnik Brasil
3/4
Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.
© Foto / Assessoria de Imprensa do Ministério da Defesa Exército Brasileiro / Cia Prec Pqdt Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.
Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico - Sputnik Brasil
4/4
Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.
1/4
Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.
2/4
Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.
3/4
Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.
4/4
Brigada de Infantaria Paraquedista opera sistema de aeronaves remotamente pilotadas em ambiente amazônico.

A utilização do FT-100 marcou o primeiro voo de um SARP categoria 1 da Força Terrestre em ambiente amazônico desde a adoção dos equipamentos, que ocorreu em 2016.

Durante a operação, o equipamento teve a missão de obter dados e imagens de tropas e instalações inimigas em território hostil. Os dados obtidos foram transmitidos pelos percursores infiltrados via Internet satelital.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала