Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Exército dos EUA opta por novo míssil de alcance intermediário para diversificar arsenal

© AP Photo / Scott HoweTeste de míssil de cruzeiro realizado em 18 de agosto na ilha de San Nicolas, na Califórnia, EUA
Teste de míssil de cruzeiro realizado em 18 de agosto na ilha de San Nicolas, na Califórnia, EUA - Sputnik Brasil
Nos siga no
O Exército dos EUA decidiu desenvolver um novo protótipo de míssil de alcance intermediário capaz de atingir alvos móveis em terra e no mar, confirmou a porta-voz da instituição.

O investimento deve preencher a lacuna no arsenal de mísseis de precisão de longo alcance, que inclui armas hipersônicas. A decisão de adquirir este armamento ocorreu após estudo conduzido pelo Comando de Armas Futuras do Centro de Investigação e Análise do Exército, sediado na base de mísseis de White Sands, no Novo México.

O estudo foi finalizado no começo deste ano. Ele foi concebido para "avaliar futuras capacidades de mísseis estratégicos e fornecer conhecimentos emergentes, a fim de informar sobre opções de aquisição e futuros requisitos de capacidade material", disse Robyn Mack, porta-voz do comando, ao portal Defense News.
© AP Photo / Força Aérea dos EUA / Aviador sênior Clayton WearLançamento de míssil balístico intercontinental (imagem referencial)
Exército dos EUA opta por novo míssil de alcance intermediário para diversificar arsenal - Sputnik Brasil
Lançamento de míssil balístico intercontinental (imagem referencial)

Como resultado da análise, o comando recomenda estratégias de investimento a curto e longo prazo para permitir aos EUA corresponderem aos adversários.

Desta forma, o Exército norte-americano optou pela obtenção de um míssil de alcance intermediário (1.000 km) para atender às necessidades a curto prazo e "complementar outros sistemas essenciais", comentou Robyn. Contudo, a porta-voz não ofereceu mais detalhes sobre o desenvolvimento de protótipos.

O Exército planeja desenvolver um míssil móvel de alcance intermediário (MIRM, na sigla em inglês) no ano fiscal de 2020, mas cancelou esse esforço em sua solicitação orçamentária para 2021, gerando uma economia de US$ 90 milhões (cerca de R$ 480 milhões).

O armamento deve ter sua decisão de produção tomada em 2024, enquanto uma revisão de projeto deve ocorrer em 2022.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала