Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

WP: Trump confirma ter autorizado ciberataque contra Rússia em 2018

© REUTERS / Tom BrennerSilhueta do presidente dos EUA, Donald Trump, na Casa Branca em Washington, EUA, 10 de julho de 2020
Silhueta do presidente dos EUA, Donald Trump, na Casa Branca em Washington, EUA, 10 de julho de 2020 - Sputnik Brasil
Nos siga no
O presidente dos EUA, Donald Trump, confirmou em entrevista a um jornal que havia autorizado um ataque cibernético à Agência de Pesquisa na Internet da Rússia em 2018.

Durante a entrevista, Trump disse ao colunista do Washington Post, Marc Thiessen, que havia ordenado o ataque cibernético de 2018 contra a Agência de Pesquisa na Internet russa, acusada por Washington de liderar a interferência nas eleições presidenciais norte-americanas de 2016.

"Correto", respondeu Trump à pergunta de Thyssen se ele havia lançado o ciberataque há dois anos contra Moscou, acrescentando que essa decisão fazia parte de uma política mais ampla de confrontar a Rússia em todo o mundo.

O presidente dos Estados Unidos enfatizou que ninguém havia sido mais duro com a Rússia do que ele.

Trump também disse ao jornalista que, em 2016, o então presidente dos EUA, Barack Obama, "sabia que a Rússia estava envolvida em manipulação", mas não disse nada, porque achava que a candidata presidencial Hillary Clinton venceria.

© Foto / PixabayCiberataque (imagem referncial)
WP: Trump confirma ter autorizado ciberataque contra Rússia em 2018 - Sputnik Brasil
Ciberataque (imagem referncial)

Em 18 de abril de 2019, o Departamento de Justiça dos EUA divulgou o relatório final da investigação do assessor especial norte-americano, Robert Mueller, sobre alegações de colusão Trump-Rússia e interferência russa nas eleições nos Estados Unidos. O assessor especial não encontrou nenhum conluio entre autoridades russas e a campanha de Trump, mas alegou que Moscou tentou interferir nas eleições.

A Rússia negou repetidamente as acusações, dizendo que nunca se intrometeu nos assuntos internos dos EUA.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала