Estabelecer presença em águas distantes: Irã está criando nova base no oceano Índico

Nos siga noTelegram
O líder supremo do Irã, o aiatolá Ali Khamenei, determinou que o Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (IRGC, na sigla em inglês) deve estabelecer uma presença permanente em águas distantes do Irã.

A informação, dada pelo almirante Alireza Tangsiri, comandante da Marinha do IRGC, é justificada pelo assédio que pescadores iranianos estariam sofrendo por parte de piratas e navios estrangeiros no mar de Omã e no oceano Índico.

"O IRGC não mais permitirá tais intrusões no oceano Índico e no mar de Omã. [...] para melhorar a segurança na entrada do oceano Índico", afirmou, ressaltando que já foram enviadas duas flotilhas à região.

Com isso, o Irã segue em busca de seu principal objetivo: elevar sua influência em determinadas regiões e países localizados em pontos econômicos estratégicos, conforme o portal Daily Times.

Dessa forma, Teerã espera exercer pressão sobre Washington e seus aliados regionais, dando uma resposta às sanções norte-americanas.

A base também surge em um momento de tensão, já que os países do golfo Pérsico tentam encontrar novas rotas para a exportação de petróleo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала