Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

São Paulo bate recorde de mortes diárias por COVID-19

© Folhapress / Danilo M Yoshioka/Futura PressGovernador João Doria durante coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes em São Paulo (SP), para atualizar a sociedade sobre a situação do novo coronavírus no estado, 14 de abril de 2020
Governador João Doria durante coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes em São Paulo (SP), para atualizar a sociedade sobre a situação do novo coronavírus no estado, 14 de abril de 2020 - Sputnik Brasil
Nos siga no
Nesta terça-feira (16), o estado de São Paulo registrou um novo recorde de óbitos causados pela COVID-19, com 365 mortes nas últimas 24 horas.

Os dados da Secretaria Estadual da Saúde do estado de São Paulo apontam também um recorde de 8.825 casos registrados da doença. Com isso, nesta terça-feira (16), o estado chegou a 190.285 casos e 11.132 mortes. São Paulo é o estado mais afetado pela pandemia do novo coronavírus dentro do Brasil.

Conforme publicou o portal G1, no entanto, uma questão estatística faz com que haja um acúmulo de mortes contabilizadas às terças-feiras. O recorde de mortes anterior aconteceu na quarta-feira (10), quando 340 mortes foram reportadas em todo o estado.

© REUTERS / Amanda PerobelliFuncionários de cemitério usam roupas protetoras durante funeral de homem de 48 anos, vítima da COVID-19, no Cemitério São Luiz, em São Paulo, 4 de junho de 2020
São Paulo bate recorde de mortes diárias por COVID-19 - Sputnik Brasil
Funcionários de cemitério usam roupas protetoras durante funeral de homem de 48 anos, vítima da COVID-19, no Cemitério São Luiz, em São Paulo, 4 de junho de 2020

Na segunda-feira (15), o governo paulista havia divulgado que o estado teve pela primeira vez um número semanal de mortes menor do que na semana anterior. Apesar disso, a diferença foi de três mortes. Entre os dias 7 e 13 de junho foram 1.523 mortes em São Paulo, sendo que entre os dias 31 de maio e 6 de junho o número correspondeu a 1.526 mortes.

Segundo os números mais recentes divulgados na tarde desta terça-feira (16) pelo consórcio de veículos de imprensa em parceria com as secretarias de Saúde, o Brasil tem 44.657 mortes causadas pelo novo coronavírus e um total de 904.734 casos confirmados.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала