Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

EUA: polícia prende 1.400 manifestantes em atos após assassinato de homem negro

© REUTERS / Tom BrennerManifestantes e policiais em Minneapolis, nos EUA
Manifestantes e policiais em Minneapolis, nos EUA - Sputnik Brasil
Nos siga no
A Polícia dos Estados Unidos prendeu quase 1.400 pessoas em 17 cidades desde quinta-feira (28), quando começaram os protestos pela morte de George Floyd.

Floyd morreu na segunda-feira (25) em Minneapolis após um policial ficar com o joelho sobre seu pescoço por mais de oito minutos. O policial, Derrick Chauvin, foi preso na sexta-feira (29) e acusado de assassinato em terceiro grau. Floyd era negro. Chauvin é branco.

A prisão não diminuiu os protestos em todo o país no fim de semana, informa a agência de notícias Associated Press. A maioria foi pacífica, mas alguns tiveram episódios de violência. 

Contagem feita pela Associated Press indica que ao menos 1.383 pessoas foram detidas desde quinta-feira (28). O número real provavelmente é maior já que os atos continuam.

Mais de um terço das detenções, 533, vieram de Los Angeles na sexta-feira (29). O prefeito da segunda maior cidade do país impôs toque de recolher em todo o município até às 5h30 do domingo e também pediu que o governador envie a Guarda Nacional. 

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала