Japão retira estado de emergência por coronavírus em Tóquio e outras 4 regiões

© AP Photo / Kiyoshi OtaPrimeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, usa máscara para se proteger do novo coronavírus.
Primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, usa máscara para se proteger do novo coronavírus. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, retirou nesta segunda-feira (25) o estado de emergência que havia sido declarado em Tóquio e em quatro outras áreas do país em função da pandemia do novo coronavírus.

Abe disse em uma coletiva de imprensa, segundo uma reportagem da agência Reuters, que o estado de emergência pode ser retomado caso o número de casos de COVID-19 volte a aumentar no país.

O primeiro-ministro anunciou dois pacotes de estímulo econômico cujo valor total passará de 200 trilhões de ienes (aproximadamente R$ 10,1 trilhões).

O ministro da Economia japonês, Yasutoshi Nishimura, disse que recebeu aprovação de conselheiros destacados para anular o estado de emergência em todas as regiões restantes.

"Embora o estado de emergência vá ser suspenso, é importante expandir a atividade econômica em estágios enquanto estabelecemos um novo modo de viver", afirmou.

Segundo o último balanço da Universidade Johns Hopkins, o Japão registra 16.550 casos confirmados de COVID-19 e 820 mortes.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала