Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Weintraub diz que tentaram 'deturpar' suas declarações sobre ministros do STF

© Folhapress / Renato Costa/FramePhoto/FolhapressAbraham Weintraub, ministro da Educação durante apresentação e debate do projeto Future-se, do Ministério da Educação, na comissão de finanças e tributação da Câmara dos Deputados, em Brasília no dia 28 de agosto de 2019
Abraham Weintraub, ministro da Educação durante apresentação e debate do projeto Future-se, do Ministério da Educação, na comissão de finanças e tributação da Câmara dos Deputados, em Brasília no dia 28 de agosto de 2019 - Sputnik Brasil
Nos siga no
O ministro da Educação, Abraham Weintraub, justificou neste domingo (24) suas declarações, gravadas em vídeo, durante reunião ministerial do dia 22 de abril com o presidente Jair Bolsonaro.

No vídeo, Weintraub chamou ministros do STF de "vagabundos" e defendeu prisão para os juízes. Em seu Twitter, o político disse que suas declarações foram "deturpadas".

​Na sexta-feira (22), a divulgação do vídeo foi liberada pelo STF. As imagens da reunião, assim como mensagens enviadas por celular, foram citadas pelo ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, como prova da tentativa de interferência do presidente Bolsonaro na Polícia Federal.

O ministro dos STF Celso de Mello, responsável pela liberação do vídeo, disse que a conduta de Weintraub, "num discurso contumelioso (insultante) e aparentemente ofensivo ao patrimônio moral" em relação aos ministros da Corte, constitui aparente "prática criminosa", em função do "seu destacado grau de incivilidade e de inaceitável grosseria".

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала