Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Número de mortos por COVID-19 na Itália chega a 30 mil

© REUTERS / Antonio ParrinelloHomem usando máscara facial protetora coloca flores em um túmulo no cemitério de Catânia, que reabriu hoje, quando a Itália inicia um desconfinamento gradual em meio à propagação da doença do coronavírus (COVID-19), Itália, 5 de maio de 2020
Homem usando máscara facial protetora coloca flores em um túmulo no cemitério de Catânia, que reabriu hoje, quando a Itália inicia um desconfinamento gradual em meio à propagação da doença do coronavírus (COVID-19), Itália, 5 de maio de 2020 - Sputnik Brasil
Nos siga no
O número de mortes por COVID-19 na Itália chegou a 30 mil, segundo informou o Departamento de Proteção Civil italiano nesta sexta-feira (8).

Segundo as autoridades italianas, 243 pessoas morreram devido à COVID-19 desde a quinta-feira (7), aumentando o número total de mortos para 30.201 pessoas.

"O número total de pacientes dispensados que se recuperaram do vírus aumentou para 99.023, um aumento de 2.747 pessoas em relação a ontem", informou o Departamento em comunicado, acrescentando que o número atual de casos confirmados de COVID-19 no país é de 217.185, com um aumento de 1.327.

Na segunda-feira (4), a Itália suspendeu algumas de suas restrições de isolamento para controlar a doença. A próxima rodada de relaxamento das medidas está marcada para 18 de maio, desde que não surjam complicações.

© AP Photo / Matt DunhamAtendente com máscara para se proteger do coronavírus organiza balcão de restaurante na Lombardia, no norte da Itália
Número de mortos por COVID-19 na Itália chega a 30 mil - Sputnik Brasil
Atendente com máscara para se proteger do coronavírus organiza balcão de restaurante na Lombardia, no norte da Itália

A Itália é o terceiro país em número de casos do novo coronavírus no mundo, atrás da Espanha, que registrou 221.447 casos e dos Estados Unidos, que registraram 1.271.775 casos da doença.

Em todo o mundo, a COVID-19 infectou 3.902.628 pessoas e matou 272.286 vezes, segundo dados da universidade Johns Hopkins.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала