Trump promete que EUA revelarão origem do coronavírus em breve

© AP Photo / Alex BrandonO presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante coletiva de imprensa.
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante coletiva de imprensa. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Donald Trump e membros de seu governo já alegaram em comunicados anteriores ter evidências de que o coronavírus foi deliberadamente liberado de um laboratório em Wuhan, provocando repúdio de Pequim.

O presidente dos EUA, Donald Trump, disse que seu país informará, de uma vez por todas, sobre a origem da COVID-19 em breve.

"Estaremos informando de forma definitiva daqui a um tempo", disse o presidente norte-americano aos jornalistas na Casa Branca, citado pela Reuters.

Trump também afirmou que a China deveria ter informado os EUA sobre o coronavírus. Ele acrescentou não ter conversado sobre o tema com o presidente chinês Xi Jinping.

"Queremos que eles sejam transparentes. Queremos descobrir o que aconteceu para que nunca mais aconteça novamente", acrescentou.

Anthony Fauci, diretor do Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas dos EUA e importante membro da força-tarefa contra coronavírus da Casa Branca, testemunhará perante um painel do Senado, disse Trump. Na semana passada, Fauci foi impedido de testemunhar. O secretário de imprensa adjunto da Casa Branca, Judd Deere, disse na ocasião que teria sido contraproducente se Fauci testemunhasse perante o Congresso enquanto lidava com a batalha em curso contra a COVID-19.

O presidente dos EUA acusou a China de tentar esconder o surto e administrar mal a crise em seus estágios iniciais. Trump afirma que dados de inteligência sugerem que o coronavírus vazou de um laboratório na cidade de Wuhan. A Organização Mundial da Saúde (OMS), no entanto, diz que o sequenciamento do genoma indica que a fonte do vírus é natural.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала