- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Celebra-se hoje pela 1ª vez o Dia Mundial da Língua Portuguesa da UNESCO

© Sputnik / Vladimir AstapkovichVista para Sé de Lisboa
Vista para Sé de Lisboa - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Apesar de ser comemorado desde 2009 pela CPLP, então como Dia da Língua e da Cultura Portuguesa, hoje é a primeira celebração desde que o dia foi reconhecido internacionalmente pela UNESCO.

Recorde-se que, em 25 de novembro de 2019, a Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) proclamou o dia 5 de maio como o Dia Mundial da Língua Portuguesa.

Contudo, o dia já era comemorado na mesma data como Dia da Língua e da Cultura Portuguesa por iniciativa da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), relembra o portal Sapo.

A celebração de hoje (5) resulta de uma parceria entre o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, a CPLP, a representação portuguesa na UNESCO, a ONU News e o canal público português RTP, e será transmitido no canal YouTube do Instituto Camões.

Serão difundidas mensagens, entre outras, do secretário-geral das Nações Unidas, o português António Guterres, do presidente da República de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, do primeiro-ministro português, António Costa, e do chefe de Estado de Cabo Verde e presidente em exercício da CPLP, Jorge Carlos Fonseca.

O evento contará igualmente com a presença de cerca de duas dezenas de outras personalidades lusófonas, incluindo escritores, músicos, cineastas ou cientistas.

Adriana Calcanhoto e Ivan Lins participarão do evento, havendo ainda outras iniciativas nos vários países lusófonos, incluindo no Brasil, refere o portal Brasil Escola.

O português é falado por mais de 260 milhões de pessoas nos cinco continentes, ou seja, 3,7% da população mundial, e encontra-se entre as sete línguas mais faladas do mundo.

É a língua oficial dos nove países-membros da CPLP (Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste), bem como da Região Administrativa Especial de Macau, na China.

É igualmente língua de trabalho ou oficial de um conjunto de organizações internacionais como a União Europeia, União Africana ou o Mercosul.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала