Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Manifestantes a favor de Bolsonaro e Moro se aglomeram em frente à PF, em Curitiba

© Folhapress / Giuliano GomesManifestação em frente à Polícia Federal, em Curitiba-PR, no dia 2 de maio de 2020, quando o ex-ministro Sergio Moro foi ouvido na condição de testemunha sobre as acusações de que o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir na Polícia Federal.
Manifestação em frente à Polícia Federal, em Curitiba-PR, no dia 2 de maio de 2020, quando o ex-ministro Sergio Moro foi ouvido na condição de testemunha sobre as acusações de que o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir na Polícia Federal. - Sputnik Brasil
Nos siga no
Em frente à superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, manifestantes se reuniram para apoiar o presidente brasileiro Jair Bolsonaro.

Neste sábado (2), o ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, presta depoimento no local. Desde o início da manhã, manifestantes estão aglomerados em frente ao prédio.

Houve relatos de princípio de confusão, segundo publicou o portal G1, exigindo ação da Polícia Militar no local. Os manifestantes protestam em apoio ao presidente Jair Bolsonaro e há também grupos de apoio à Lava Jato e Sergio Moro.

© Folhapress / Código 19/Ernani OgataMovimentação de veículos, apoiadores do ex-ministro Sergio Moro e do presidente Jair Bolsonaro concentrados em frente à sede da Polícia Federal, em Curitiba-PR, no dia 2 de maio de 2020, quando o ex-juiz Sergio Moro foi ouvido na condição de testemunha sobre as acusações de que Bolsonaro teria tentado interferir no trabalho da Polícia Federal.
Manifestantes a favor de Bolsonaro e Moro se aglomeram em frente à PF, em Curitiba - Sputnik Brasil
Movimentação de veículos, apoiadores do ex-ministro Sergio Moro e do presidente Jair Bolsonaro concentrados em frente à sede da Polícia Federal, em Curitiba-PR, no dia 2 de maio de 2020, quando o ex-juiz Sergio Moro foi ouvido na condição de testemunha sobre as acusações de que Bolsonaro teria tentado interferir no trabalho da Polícia Federal.

Moro presta depoimento sobre acusações feitas contra o presidente Jair Bolsonaro, apontando que o chefe do Executivo teria interferido politicamente na Polícia Federal. O ex-ministro revelou a situação, motivo de sua saída do Ministério, em um coletiva de imprensa.

O depoimento é parte de um inquérito autorizado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) investigando as acusações feitas contra Bolsonaro. Caso as acusações sejam falsas, Moro pode ser denunciado por crimes contra a honra e também denunciação caluniosa.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала