Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Polônia analisará necessidade de comprar caças F-35 devido à crise econômica emergente

CC BY 2.0 / Heath Cajandig / Caça norte-americano F-35
Caça norte-americano F-35 - Sputnik Brasil
Nos siga no
Polônia analisará a necessidade de comprar caças furtivos F-35 dos EUA devido à crise econômica emergente causada pelo surto da pandemia do novo coronavírus, declarou o ministro do Patrimônio Estatal da Polônia, Jacek Sasin.

"Neste momento, não foi tomada nenhuma decisão de recusa da compra [de caças F-35]. Veremos. Ainda hoje não sabemos muitas coisas. Hoje sabemos que haverá uma crise, mas desconhecemos quão grave será e quanto tempo vai durar", afirmou Sasin à rádio RMF FM.

"Nós vamos provavelmente analisar estas aquisições [...] Neste momento, eu não posso dizer, como vai ser definitivamente, porque não foi tomada uma decisão", acrescentou o ministro polonês.

Em janeiro de 2020, a Polônia assinou um contrato de compra de 32 caças norte-americanos F-35 avaliados em cerca de US$ 4,6 bilhões (R$ 24,2 bilhões), segundo militares poloneses.

Além dos caças, entram no contrato pacotes logísticos de treinamento que incluem oito simuladores, peças de reposição, um sistema de gerenciamento de aeronaves e equipamento necessário para manutenção.

Mesmo o preço final já sendo elevado, trata-se de um resultado positivo para a Polônia, que conseguiu baixar o preço através de negociações com o lado norte-americano, visto que inicialmente a compra ultrapassava os US$ 6,5 bilhões (R$ 34,1 bilhões).

Militares poloneses acreditam que a aquisição dos novos caças irá reforçar as capacidades dos 48 aviões F-16 que já operam na Força Aérea da Polônia. Além disso, o país tem cerca de 27 MiG-29 e Su-22 da era soviética.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала